Neste blog, vou passar fazer todo aquele trabalho que habitualmente tenho vindo a distribuir por vários blogs. Dar descanso aos velhos....

26
Jun 15

 

avila 036.JPG

Ávila é uma cidade espanhola banhada pelo rio Adaja. É sede de município e dá o nome a uma província da comunidade autónoma de Castela e Leão. Dista de Alba de Tormes cerca de 100km através da SA-114 e A-50. Como província Ávila é predominantemente agrícola e pecuária. Ali se produz em abundância: cereais, legumes, beterraba, vinho e azeite. Na pecuária a principal exploração é o gado bovino. A maior parte da província ocupa a planície do Douro, a qual é limitada a sul pelo maciço da Serra de Gredos e de outras serras do Sistema Central. Os vales dos afluentes do Douro, a norte, e dos do Tejo, a sul, são muito férteis. É uma província rica em monumentos históricos e artísticos. Vamos ver alguns de carácter religioso, e não só.

avila 033.JPG

 Depois da vista ao Mosteiro da Encarnação, onde Santa Teresa de Jesus viveu 30 anos (1535-1562) como monja, e de 1571 a 1574, como priora, o grupo esperou no pátio que todos os elementos se juntassem para continuar viagem. Neste mosteiro, onde São João da Cruz foi capelão e confessor, ainda se pode ver muitos objectos de Santa Teresa e de São João da Cruz bem preservados. Também tem a cela onde a Santa viveu muitos anos. A Igreja ao lado tem o local onde ela orava e assistia às missas.

avila 051.JPG

Igrejas monumentais, palácios e muralhas é o forte desta cidade terra-mãe de Santa Teresa de Jesus. Antes de iniciar uma visita à cidade amuralhada, importa do exterior ver a urbe do miradouro dos “Quatro Postes”. Um emblemático monumento religioso constituído por quatro colunas dóricas de cinco metros de altura e no centro, sobre uma peanha, uma cruz de granito. Entre outras lendas, conta-se que ainda criança, Santa Teresa e seu irmão Rodrigo foram detidos por um seu tio quando projectavam fugir para a terra dos infiéis e morrerem mártires, onde terá deixado as sandálias e pronunciado a famosa frase: "De Ávila, ni el polvo"= De Ávila, nem o pó.

avila 040.JPG

 Situada a 1182m de altitude é a cidade mais alta de Espanha. Cidade amuralhada, em 1985, Ávila e suas igrejas extra-muros, foram incluídos na lista do Património Mundial da UNESCO.

avila 044.JPG

Do importante património arquitectónico, artístico e cultural que a cidade de Ávila oferece a quem a visita, a igreja românica de São Pedro, construída no Séc. XII é uma dessas maravilhas a visitar na Praça do Mercado Grande.

avila 059.JPG

 Junto ao presbitério da Igreja da Santa fica a porta de entrada na “capela do nascimento” que se deu a 28 de Março de 1515, em Gottarrendura. Nessa data nascia uma menina a que foi dado o nome de Teresa Sánches de Cepeda Dávila y Ahumada.

avila 058.JPG

  Nessa igreja celebrou o nosso capelão a missa de sábado, dia 20.

avila 055.JPG

          E para nos despedirmos, antes de deixar a cidade, tirou-se mais uma foto em grupo para assim concluir em ano jubilar uma visita a Ávila quando se celebra o V Centenário do Nascimento de Santa Teresa de Jesus ( 1515-2015).

 

publicado por aquimetem, Falar disto e daquilo às 12:47

Maio 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24

26
27
28
29
30
31


posts recentes

Ávila, em Ano Jubilar

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO