Neste blog, vou passar fazer todo aquele trabalho que habitualmente tenho vindo a distribuir por vários blogs. Dar descanso aos velhos....

09
Set 14

         Foi nesta casa de Deus, a igreja de São João Baptista do Lumiar, que na década de 70 conheci o Padre Ruy de quem ontem falei a-propósito de certo dia o ter  reencontrado na igreja de NS da Vitória.Tinha por ele grande admiração, e nele um amigo meu. Que os Anjos existem e nos protegem e guiam, nunca tive duvidas nisso, e por isso confio e peço ao meu diariamente que esteja sempre atento aos passos da minha jornada. Quando ontem ao meio dia por ocasião do Ânjelus " falei" com ele, logo me fez vir à mente esse bom sacerdote e também o propósito de o recordar em post. Por certo também me terá dado um toque quando no passado dia 25 de Agosto, o Senhor que ele com muita fidelidade e zelo serviu, o veio chamar para junto de si. Eu é que certamente estava distraído e não senti o angelico aviso. Foi. O Padre Ruy Mello de Azevedo de Lemos Corrêa Leal, faleceu com 88 anos.  Era natural da paróquia dos Anjos, Lisboa, onde nasceu 22/10/1925, e foi ordenado sacerdote a 29 de Junho de 1951. Entre outras funções foi coadjutor na paróquia de Fátima, tenente-capelão do Instituto dos Pupilos do Exercito, pároco do Lumiar e São Mamede, em Lisboa, e mais recentemente colaborador do pároco de São João de Brito. Tinha como residência a Casa Sacerdotal, na Av. 5 de Outubro. Devo a infausta noticia ao semanário A Voz da Verdade, mas sobretudo à minha esposa que associando o nome que eu citei, ao que constava no jornal, me chamou atenção. Os anjos também se servem dos nossos amigos para se manifestarem  

publicado por aquimetem, Falar disto e daquilo às 23:01
tags: ,

Setembro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9

19

23



mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO