Neste blog, vou passar fazer todo aquele trabalho que habitualmente tenho vindo a distribuir por vários blogs. Dar descanso aos velhos....

01
Fev 15

dbosco.jpg

         A 31 de Janeiro, a Igreja festeja São João Bosco, fundador da Pia Sociedade de São Francisco de Sales, conhecida por salesiana, e co-fundador, com Sta. Maria Mazzarello, da congregação das Filhas de Maria Auxiliadora, conhecidas por Irmãs Salesianas , e fundador da Associação Internacional dos Cooperadores Salesianos. Nasceu em Becchi, a 16 de Agosto de 1815, fez a 1ª Comunhão em 1826. Em 1828 começa a estudar e aos 16 anos vai frequentar a escola de Castelnuovo D’Asti. A 30 de Outubro de 1835, com 20 anos feitos, entrou para o seminário de Chieri, para ser ordenado sacerdote a 05 de Junho de 1841, pelo bispo Luigi Fransoni. Sendo entretanto transferido para Turim. Foi canonizado, a 01 de Abril de 1934, pelo Papa Pio XI. Nele reconheceu o Beato João Paulo II, tratar-se de um verdadeiro “ Pai e Mestre da Juventude”. A sua fama como sacerdote e educador espalha-se por toda a Itália e dali mundo fora. Desenvolvendo a educação infanto-juvenil e o ensino profissional, sendo mesmo um dos criadores do sistema preventivo em educação. Distinguiu-se também no desenvolvimento da imprensa católica, mas é como educador da juventude desprotegida que se notabiliza. “Em Roma, como os romanos” é dito que nem todos aceitam e certamente o facto de São João Bosco manter amizade com políticos famosos como, Camilo de Cavour, Humberto Ratazzi, Marquesa Barolo, Pio IX, Leão XIII, que levou alguns contemporâneos seus rivalizar com ele, Dom Lorenzo Gastaldi foi um deles, e a paz entre ambos só se fez mediante intervenção do Papa Leão XIII. Figuras como São João Bosco, João Melchior Bosco, em Portugal faz-nos recordar um Padre Américo que na Obra da Rua muitos “gaiatos” se tem libertado da miséria social e conquistado a dignidade de cidadãos respeitáveis. Padroeiro da capital federal do Brasil, Brasília, São João Bosco é também padroeiro dos Jovens e dos aprendizes.

images.jpg

          Para ganhar a estima e a confiança dos amigos percorria as feiras e mercados afim de observar os jogos de prestidigitação e de habilidades que depois em casa procurava executar de modo a poder exibir junto dos amigos e jovens carecidos.Daí a que os mágicos conhecendo a sua história o tenham declarado, também, patrono dos Ilusionistas. Dele escrevi em "Portugal, minha terra", a 31/01/ 07, um post que abria assim: “Ora aqui temos nós um tema que posso considerar ser da minha área de saber: ilusionismo. É verdade! Cedo me apaixonei pela "Arte de Robert   Houdin", mas só nos inícios de 1960  é que o meu nome começa ser conhecido em diversas plateias e ambientes associados a tão encantadora arte. Também há muito que deixei de praticar e portanto de acompanhar os avanços da técnica que um Luís de Matos e um Lacerda Machado Júnior têm sabido aproveitar. Mas não pensem os leitores deste post que vou ensinar magia ! Não, o que vou fazer é prestar aqui uma singela homenagem ao patrono de todos os  ilusionistas: São João Bosco”. Como então, aqui deixo também hoje a merecida homenagem ao santo que a Igreja Católica festeja no dia 31 de Janeiro e os ilusionistas de todo o mundo honram nesta mesma data. Orgulho da família salesiana, que nas escolas profissionais espalhadas por todo o mundo cristão, educam gerações e formam homens com H grande !.

 

 

publicado por aquimetem, Falar disto e daquilo às 13:20

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


Fevereiro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
13

15
18

22
24
26
27


subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO