Neste blog, vou passar fazer todo aquele trabalho que habitualmente tenho vindo a distribuir por vários blogs. Dar descanso aos velhos....

19
Dez 18

imagesJ62BQB3B.jpg

Este país está no caos! Com todas as consequências que derivam de um governo que tomou de assalto a governação e agora os portugueses estão a sofrer na pele, desse oportunismo que se tem mostrado desfavorável ao bom funcionamento das instituições democráticas. A mentira, a corrupção instalaram-se e por todo lado a contestação começa por surgir e com ano de eleições legislativas vai aumentar em 2019, suponho eu. Os partidos de esquerda que apoiam e sustentam a “geringonça” por certo que vão quer limpar-se do papel que têm desempenhado na coligação, e alegar que continuam a ser defensores da classe operaria, não sei é se os trabalhadores vão nisso, pois já mostraram bem com quem esses partidos estão: com aqueles que derem mais, e o resto é conversa. O Dr. Passos Coelho foi, quanto a mim, o mais honesto e serio político que depois do 25 de Abril passou por São Bento, mas deixou a má imagem que todos sabemos, e marcou a vida de muita gente, vítima que foi da herança que recebeu do anterior governante. Mas não deixo de o admirar e reconhecer que tudo que fez foi para salvar Portugal da banca rota que o governo socialista gerou. Para iludir os incautos António Costa juntou-se aos comunistas e bloquistas com a promessa de derrotar a dita direita, como se direita existisse neste país. Se há, o que dizer deste governo que aparece a tomar medidas que nem no tempo de Salazar existiam? Que diferença existe entre a antiga União Nacional e a actual Assembleia da Republica ? Não usam as mesmas armas para pôr em prática as suas artimanhas, nomeando os seus parceiros para derrotar os adversários Democracia?! Mas qual democracia?

DSC01754.JPG

Portugal perdeu tudo quanto do passado lhe deu nobreza, apenas ficou o que da Fé ainda resta, e se não perde por ser divino. Mas dos feitos dos nossos maiores pouco ou nada resta, salvo os Açores e Madeira, com as Desertas a recordar o restante que já se foi. Os portugueses caíram numa cilada donde vão ter dificuldade se libertarem, com um PSD desbaratado e sem líder capaz de atrair o seu eleitorado, e um CDS em que as pessoas teimam em considerar partido da Direita. Com sinceridade, também ainda não sei porquê. São maquinas montadas para iludir um eleitorado pouco ou nada politizado, e muito mais pouco esclarecido. Também não faz por se esclarecer. Mas devo dizer que Assunção Cristas tem feito aquilo que muitos outros deputados não fazem e deviam fazer, apontar os erros governamentais que afectam as populações, ao ir ao terreno e apontar o que de mau encontra, como foi o caso de alertar para o perigo da estrada IP6 que liga a A8 a Peniche. E apelou: “Até quando, senhor primeiro-ministro?”.

DSC01755.JPG

Mas vamos deixar que as coisas se recomponham, pois miséria já vai de caixão à cova, e confusão bastante para meter dó aos mais pacientes. Como foi agora o caso do helicóptero que na serra de Santa Justa se despenhou no sábado dia 15, fazendo 4 vítimas mortais: dos pilotos, um médico e uma enfermeira, todos ao serviço do INEM. Falta averiguar é como só duas horas depois da queda é que foram accionados os serviços de buscas desse acidente. Razão porque a “Liga dos Bombeiros pede “ inquérito rigoroso” após falha da protecção civil no acidente com helicóptero do INEM. Estes negócios da “geringonça” - com destaque no caso SIRESP,SA - e de quem a apoia têm seus segredos, ao que tudo indica e parece.

publicado por aquimetem, Falar disto e daquilo às 17:48
tags:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


Dezembro 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
14
15

16
17
20
21
22

23
25
26
28
29

30


subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO