Neste blog, vou passar fazer todo aquele trabalho que habitualmente tenho vindo a distribuir por vários blogs. Dar descanso aos velhos....

09
Jan 17

DSCN0928.JPG

Integrada na “ ROTA DAS FREGUESIAS” a freguesia da Bajouca vai estar patente na Biblioteca Municipal Afonso Lopes Vieira, Lg, Cândido dos Reis, 6 – Leiria, desde 7 a 20 de Janeiro, com uma mostra etnográfica e cultural digna de ver e apreciar.

DSCN0908.JPG

 Com a presença do Sr. Presidente da Câmara Municipal de Leiria, Raul de Castro que deu as boas vindas às forças vivas bajouquenses, ali representadas pelo Sr. Presidente da Junta de Freguesia, Hilário Estrada, e do Pároco, Sr. Padre Davide Gonçalves. 

DSCN0911.JPG

 De realçar a presença de artesãs do barro, do bracejo e junco, bem como da resinagem que da Bajouca são distintivo antigo. Artes aqui sucessivamente representadas pelos artistas Alcino e Céu Pedrosa, na roda de oleiro; e no calcar do barro, a Céu Soares. No bracejo e no junco as duas  bajouquenses primas e com os mesmo nome de Rosa (Cabecinhas); e na resinagem, o Arlindo Barreira. 

DSCN0909.JPG

No meio desta adesão toda se fez notar também a presença dos bajouquenses que à frente de organismos autárquicos, associativos ou empregadores mais têm pugnado pelo desenvolvimento e prestigio desta simpática freguesia do concelho de Leiria. Ora na Junta de Freguesia, na Paróquia,  na Industria e Comercio, no associativismo, aqui com destaque para o GAU, ABAD, SAMB, Academia Rithmos, e demais instituições como Centro Social e Posto Médico

DSCN0914.JPG

Na musica, além da Filarmónica de Santo Aleixo, sob direcção do maestro Nelson Caetano, também o Jone e o Jerónimo deram cartas na concertina e tambor;  como na gaita de beiços, o Arlindo Barreira no acompanhamento do par dançante Mila e Zeca, do Ranho Folclórico do Grupo Alegre e Unido da Bajouca.

DSCN0918.JPG

Na comédia brilhou a Fátima Fernandes e cunhado Agostinho Domingues, da Bouça, como na dança a Academia Rithmos. Evento bajouquense que merece ser realçado e a não esquecer pois que levou ao coração da cidade de Rodrigues Lobo a freguesia do Padre Jerónimo que Joaquim Paço dÁrcos imortalizou.

DSCN0917.JPG

Uma EXPOSIÇÃO a não perder de visitar, e que abriu no Sábado, dia 7, às 18h00, com musica, teatro e dança, acabando em animado convívio gastronómico com “Carneiro à Bajouca”. Pode ser visitada até ao próximo de 20. 

 Musica e teatro mostra o vídeo 

 

publicado por aquimetem, Falar disto e daquilo às 09:57

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


Janeiro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
12
13
14

16
17
18
20
21

23
24
25
27
28

29
30


subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO