Neste blog, vou passar fazer todo aquele trabalho que habitualmente tenho vindo a distribuir por vários blogs. Dar descanso aos velhos....

13
Nov 16

DSCN0528.JPG

 É como digo, e mais não digo, porque senão todos querem vir viver nesta terra de gente generosa que são os bajouquenses. Depois do magusto de sábado, dia 12, que terminou com um cafezinho no Virgílio Sousa , e que prolonguei noite dentro a fazer a reportagem, vem o domingo, com a missa às 09h00. Mal tinha acabado cumprir esse dever de cristão e filho de Deus, surge uma alma simpática e generosa a convidar para ir almoçar, ao Largo dos 13, não por ser dia de feira, mas porque tinha em sua casa o ti Américo e a ti Maria “Alha” com quem podia desenferrujar a língua.Claro que aceitei logo e por volta da 13h00 lá estava eu nos 13 ainda com os tendeiros a impedir a entrada nas residências dos moradores do largo, como nestes dias é habitual e já ninguém se queixa pois de nada vale. 

DSCN0530.JPG

 Um casal muito activo e ocupado no fim do almoço tinha em agenda uma ocupação marcada, por isso durante esse lapso não havia muito tempo a perder com as visitas.  

DSCN0534.JPG

E até veio a calhar pois deu para dormir uma soneca em minha casa e esperar por ver satisfeito o convite feito para de tarde ir lanchar onde calhasse.

DSCN0542.JPG

Calhou no Pisão, onde a ABAD promoveu um castanhada, com uma feirazinha de produtos caseiros muito concorrida, como é costume em eventos ali realizados.

DSCN0546.JPG

 Com castanhas ofertadas e água-pé quase de graça foi um despejar de pacotes e por arrastamento vinho, cerveja, e outras bebidas espirituais que se dão bem com as castanhas. 

DSCN0541.JPG

Quentes e boas! Ao Zé do Jaime foi confiada a assada, e muitos foram os participantes no evento, evento em que muito gostei de tomar parte. Como disse graças à gentileza destes generosos bajouquenses. Que neste meu caso são sobrinhos.

DSCN0537.JPG

Rico domingo a encerrar uma estadia mais demorada na capital do barro leiriense. Agora só para o Natal onde o presépio paroquial costuma fazer furor e é também um singular atractivo regional.

publicado por aquimetem, Falar disto e daquilo às 21:13

DSCN0273.JPG

 Ontem foi dia de São Martinho, aquele santo que pela sua caridade e generosidade, os fieis recordam por ter repartido a sua capa com um mendigo. Facto que e em Portugal é festejado com muita alegria, e por vezes em demasiado, com provas de vinho, castanhas, aguapé e outras coisas mais. 

DSCN0432.JPG

Hoje, na capital do barro leiriense o lugar da Bajouca Centro escolheu o barracão do ti Bernardino Afonso, para festejar o magusto das mulheres, e com castanhas e febras foi um fim de Sábado que fez inveja ao dia de ontem, que como é tradição diz apenas respeito o sexo forte. O dia 12 de Novembro é consagrado às mulheres afim de puderem ajudar no dia seguinte….os homens a cura-la.

DSCN0485.JPG

 São elas quem o dizem e eu, não duvido delas. Mas passe a brincadeira, e vamos ao relato deste evento que merece destaque pelo bom exemplo de camaradagem e união que os habitantes deste lugar dão de toda a comunidade bajouquense. Falo mais dele por ser o que melhor conheço e me sentir integrado nele sempre que venho a terras de Leiria.

DSCN0448.JPG

A Eucaristia vespertina, que teve inicio às 19h15, e que o pároco, Sr. Padre Davide, celebrou, esteve a cargo dos escuteiros da Bajouca, Agrupamento 12 26, no decorrer da qual os novos responsáveis, que são os mesmos, tomaram posse. E muitos, como eu, ficaram em falta nesta Missa, que Deus nos perdoe

 

 

DSCN0507.JPG

 O certo é que no fim, até o Sr. Padre Davide aproveitou para cear com toda a Bajouca Centro que para o efeito o convidou. Se alguém tiver inveja que faça o mesmo no seu lugar, que se por cá estiver e me convidarem farei como agora fez o diácono João Paiva que de Belas veio com a esposa, uma cunhada e um sobrino, que são a Maria, a Irene e Pedro respectivamente, para dinamizar este convívio. Como também das Várzeas veio a Catarina Silva mais a filha e uma sobrinha. Estando cá e se então me convidarem podem contar lá comigo para fazer uma reportagem num dos meus blogs. 

DSCN0461.JPG

 E não se esqueçam de ter bem presente que São Martinho de Tours é um santo do Século IV que depois de convertido à religião cristã foi um grande impulsionador da cristianização da Europa. 

DSCN0472.JPG

 Um santo que não se notabilizou em petiscadas ou bebedeiras, mas na prática da caridade, ensino, fundação e construção de igrejas, de mosteiros e de escolas. Fazendo o bem como pede a Igreja e nem sempre os cristãos correspondem ao apelo de todos os bem-aventurados.

DSCN0514.JPG

  Mas há também a ter presente que: um santo triste é um triste santo. Haja alegria e verdadeira amizade cristã.

 Terminou assim, com café no Sousa como a cima se vê.

publicado por aquimetem, Falar disto e daquilo às 00:16

Novembro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

16
17
19

20
21
23
24
25
26

27
28
30


subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO