Neste blog, vou passar fazer todo aquele trabalho que habitualmente tenho vindo a distribuir por vários blogs. Dar descanso aos velhos....

02
Dez 15

 

DSC_0271_resize_13.jpg

No dia do meu aniversário, em 2014, escrevi, em post, sobre São Nicolau, o santo do meu dia, assim: “Nasceu em Patara, no sec. III, onde faleceu a 06 de Dezembro de 342. Padroeiro da Rússia, da Grécia e da Noruega. Ele é também o padroeiro dos guardas nocturnos da Arménia. Tem uma paróquia a ele consagrada, em Lisboa, onde não fui hoje porque fiz questão ir a São Domingos, onde era costume encontrar-me com o meu saudoso amigo António Rosado, e hoje era dia de pagar um cafezinho. Tomei por ele”.

10403520_10201965324169718_1556748623096966222_n.j

Pelo braço da filha Anabela, em dia de aniversário ( em 07-02- 2014).

Tinham decorrido apenas quatro dias que o amigo Rosado deixou de fazer parto do mundo dos vivos. Foi a 02 de Dezembro que o desenlace se deu. Hoje primeiro aniversário lá voltei mais uma vez a São Domingos, onde o Sr. Padre Hilário, um sacerdote africano, celebrou missa de sufrágio durante a qual, e no momento apropriado, exaltou a simplicidade, a dedicação e as demais virtudes com que o saudoso finado serviu graciosamente naquela igreja, sede da paróquia de Santa Justa e Santa Rufina. O mesmo aconteceu, e hoje recordo, com o pároco Victor, que há um ano, também aqui me mereceu o seguinte comentário: “De louvar o acompanhamento moral e espiritual que o Padre Vector Gonçalves deu a este amigo, que na igreja de São Domingos, onde ele é pároco, o Sr.António Rosado com muito zelo e empenho foi voluntarioso colaborador. Não sendo a sua paróquia, nem por isso os afazeres ao serviço da Igreja e dos fieis, impediram o Sr. Padre Vector Gonçalves de arranjar um bocadinho de tempo para que ao Sr. Rosado não faltasse a sagrada comunhão, durante a semana, assim como agora, no dia do adeus terreno, vir ao Bairro da  Serafina, celebrar missa de corpo presente e encomendá-lo para Deus”. Um ano depois não podendo ser o celebrante, encarregou quem o substitui-se na Missa das 11h00. Entretanto ainda calhou de encontrar a viúva e as filhas do extinto à saída da igreja, ia ele entrar, e dirigir duas palavras de conforto aos familiares. Da minha parte aqui deixo à D. Joaquina e as filhas Anabela e Silvéria Rosado o meu fraternal apreço e muita amizade.

 

 

publicado por aquimetem, Falar disto e daquilo às 16:07

Dezembro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

14
15
17
18
19

21
26

28
31


subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO