Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O Prelado do Opus Dei em Portugal

por aquimetem, em 11.07.17

IMG_7676 (3).JPG

Na terça-feira, dia 4, chegou a Fátima, vindo de Madrid, o prelado do Opus Dei, Mons. Fernando Ocáriz que tinha à sua espera o vigário-regional português Mons. José Rafael Espirito Santo. À sua espera estava também um pequeno grupo de sacerdotes e outros fieis, entre eles alguns doentes. Depois do tempo de adoração na capelinha das aparições, foi colocar no queimador de cera três velas, duas tinham gravado a vermelho a frase Omnes cum Petro ad Iesum per Mariam (“Todos com Pedro a Jesus por Maria”), a terceira tinha escrito a azul Consummati in unum (“Consumados na unidade”).

IMG_7677 (2).JPG

 Ao jeito de São Josemaria Escriva, a tradição de um prelado da Obra é quando inicia uma visita pastoral a qualquer país, começar sempre por um santuário mariano, que em Portugal tem o Altar do Mundo por primazia. Assim foi com o Fundador, com o Beato Álvaro del Portillo, D. Javier Echevarria, e agora com Mons. Fernando Ocáriz. A seu tempo, o prelado tinha mostrado este desejo de em ano de “Centenário das Aparições” vir rezar no local onde Nossa Senhora apareceu aos três pastorinhos, Lúcia, Santa Jacinta Marto e São Francisco Marto. E cá o tivemos.

IMG_7672 (2).JPG

Depois continuou a viagem até Vila Nova de Gaia, onde no Centro de Convívios de Enxomil se instalou até sexta-feira, dia 7. Nesse dia ainda se encontrou com dois grupos numerosos de pessoas da prelatura, no auditório da Fundação Cupertino de Miranda, no Porto. Ali recordou, como São Josemaria Escriva, que em todas situações da vida: “o nosso modo de reagir seja o modo de reagir de Jesus Cristo”. Mas, como conseguir? “Com a oração, e com a Eucaristia, pois na Eucaristia transformamo-nos no que recebemos”. Na missa, em cada missa, “realiza-se a redenção do mundo”. - Só lamento não ter podido assistir. Mas em espírito estive presente

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:16


10 de Junho

por aquimetem, em 22.06.17

rui_moreira_lusa1392a744[1].jpg

Este ano foi no Porto que decorreu a celebração do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas, como anfitrião o Presidente da Câmara Municipal da Invicta, Rui Moreira, no seu discurso destacou: “ Em tempos difíceis no país, a cidade do Porto nunca deixou de corresponder, embora no fim da crise volte “inevitavelmente” a ser esquecida”.

BBCosZj[1].jpg

Terminou com agradecimento ao chefe de Estado, Marcelo Rebelo de Sousa, pelo facto de ter escolhido comemorar oficialmente o 10 de Junho no Porto, lembrando a “sorte e a ventura” de Portugal ser um país diferente de muitos outros, permanecendo “uno”. Se no Porto foram as celebrações cívicas que juntaram políticos e à volta deles quem por dever ou gosto de participar assistiu este ato solene, em Fátima foi a peregrinação anual das crianças de todas as dioceses do continente que neste dia 10 de Junho ali ocorre.

view.jpg

Fazem-no também em atenção à data com que Pio XII, em 1952, nos honrou ao inserir no Calendário Litúrgico Português a devoção ao Anjo de Portugal. Devoção antiga que a pedido de D. Manuel I, o Papa Júlio II instituiu em 1504, com a designação de “Anjo Custódio do Reino” cujo culto já era muito mais antigo. Esta devoção quase tinha desaparecido, até que em 1916 foi essa mesma divindade que na Loca do Cabeço se identifica aos pastorinhos de Fátima, como sendo o “Anjo da Paz, o Anjo de Portugal”. Também conhecido por Santo Anjo da Guarda de Portugal ou Anjo Custódio de Portugal, é uma das designações dadas a São Miguel Arcanjo. Os Anjos da Guarda são seres mais perfeitos e dignos que nós, criaturas humanas. Não devemos ignorá-lo. Tão importantes são os anjos custódios que em 1608 o Papa Paulo V instituiu a festa dos Santos Anjos da Guarda, e a partir de 1670, o Papa Clemente X fixou a festa obrigatória no dia 2 de Outubro.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:28


O Papa Francisco I, em Fátima

por aquimetem, em 18.05.17

IMG_7314.JPG

 Evento de primeira grandeza, este que se deu em Fátima, cem anos depois de Nossa Senhora do Rosário aparecer aos três pastorinhos: Lúcia, Jacinta e Francisco. Aconteceu nos dias 12 e 13 de Maio, tendo por motivo a presença do Papa Francisco que veio como peregrino saudar a Virgem de Fátima e honrar Portugal com a canonização de mais dois santos portugueses: Jacinta Marto e Francisco Marto, dois dos videntes de Nossa Senhora.

IMG_7322.JPG

Recordou o Santo Padre uma das citações da irmã Lúcia, nas suas “Memórias” , quando ao referir-se à prima Jacinta regista uma das suas lamentações: "Não vês tanta estrada, tantos caminhos e campos cheios de gente a chorar com fome e não tem nada para comer? E o Santo Padre numa Igreja, diante do Imaculado coração de Maria a rezar? E tanta gente a rezar com ele?" . Acontecimento notável que deu a Portugal acréscimo à fama que já tem de país cristão e comprovado no espalhar da fé por todos os cantos da terra onde chegou e chega a presença portuguesa.

IMG_7339.JPG

 Quem teve a dita de poder desfrutar in loco deste centenário evento por certo que jamais se apagarão da retina as imagens que recolheu, como aconteceu, na vinda de Paulo VI, em 1967. Como então a chuva também este ano se fez sentir, mas em nada beliscou a fé que leva os devotos de Nossa Senhora ao “Altar do Mundo”. E que dos mais afastados pontos do globo, vem peregrinos, peregrinos à semelhança de Paulo VI e agora do Papa Francisco . Um e outro, não vieram em visita a Fátima, vieram em peregrinação.

IMG_7348.JPG

Rezar, com todos os fieis, pela paz no mundo, apelando aos responsáveis políticos para que combatam, a bom combate, a desigualdade e a exclusão social que gera revolta e miséria. A receita para uns e outros está na pratica da caridade e respeito pelo ser humano, doutra forma os valores e princípios com que o homem na sua essência é formatado, perde-se e a sociedades também. Não é por acaso que Fátima é procurada, e muitos são os que fazem penitencias lá e para lá chegar. 

IMG_7357.JPG

Quem muitas vezes critica desconhece o que é sofrimento, como também o que é o verdadeiro amor. O Papa Francisco sabe e logo no inicio da sua homilia, frisou-o bem : “ Queridos peregrinos, temos Mãe, temos Mãe! Agarrados a Ela como filhos, vivamos da esperança que assenta em Jesus Cristo”. É o que falta a quem A não tem.

IMG_7361 (3).JPG

Foram só cerca de 24 horas, mas fabulosamente cheias e bem preenchidas com muitas graças derramadas sobre nós e toda a humanidade.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:33


É um mês de rosas e rosários.

por aquimetem, em 06.05.17

PICT3065.JPG

No mês de Maio só não havendo por perto uma igreja consagrada a Nossa Senhora é que procuro outra para assistir à missa. Também conhecido por Mês de Maria, São Josemaria Escrivà ensinou as filhas e filhos seus no Opus Dei a fazerem e promoverem durante este lapso “romarias” a igrejas e santuários de devoção mariana, de modo a manter viva uma tradição antiga de prestar homenagem à Virgem Maria, mãe de Jesus.

IMG_7040 (2).JPG

Da escolha do 5º mês do Calendário para recordar Nossa Senhora, conta o Prof. André Luiz Oliveira: “Com estudos e pesquisas cheguei à conclusão de que a devoção de dedicar este mês à Virgem tenha surgido por volta do século XIII, na Europa, em um período de grande “marianismo” e conclui que mais ainda por uma questão climática, Maio é o mês das flores e se encontra na plenitude da Primavera, neste tempo as árvores florescem e os jardins se ornam com flores de todos os tamanhos, odores e cores. Para homenagear a Mãe do Filho de Deus, alguém muito sabiamente escolheu este mês por ser ele todo florido, fazendo um comparativo de Maria: “A flor mais bela do jardim de Deus!”. E pessoalmente acredito que esta dedicação se reforçou pela semelhança das palavras: Maio e Maria”.

 

Murillo_immaculate_conception.jpg

Diz ainda: “Dedicar um mês a Maria, com certeza é uma prática bem antiga, chega a ser difícil ter uma precisão de data, é antes de tudo algo que faz parte da tradição do povo, que nas igrejas e capelas do mundo inteiro lhe dedicam ofícios, ladainhas, terços e as belas coroações. Essa é a maneira carinhosa de reconhecermos aquela que trouxe ao mundo o Filho de Deus (cf. Lc 1,26-38), pois não há “Jesus sem Maria e Maria sem Jesus”. O Dia da Mãe que em Portugal chegou a ser celebrado a 8 de Dezembro, dia da Imaculada Conceição, é hoje festejado no primeiro domingo de Maio, que este ano calha no dia 7. É um mês de rosas e rosários.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:41


Por muitos anos!!!

por aquimetem, em 25.03.17

20272893_S5NHF.jpg

 Neste dia, 24 de Março, fez 60 primaveras de vida terrena um bajouquense muito distinto que no Casal dos Afonsos nasceu e na sua eira mantém o embrião às origens. Trata-se do José Carlos Afonso, o Carlitos, ten-coronel na reserva, que pela terra tem um amor profundo e pela família a máxima dedicação. O seu afecto e apego às origens e familiares, evidencia-se nas deslocações constantes ao torrão-natal e nos convívios familiares que de vez quando promove, e anima com os seus dotes musicais. 

19806430_gCSJY.jpg

 Mas se algo mais quisermos realçar e aproveitar do comportamento social deste aniversariante temos o seu exemplo de para comemorar a data pegar nele e no dia seguinte ir a pé da capital do barro leiriense até ao Santuário de Fátima agradecer a Nossa Senhora a sua intercessão junto do Filho por tudo quanto de bom na vida lhe tem corrido. Só uma coisa tenho pena: não poder dar-lhe o meu fraternal abraço de parabéns, mas que deixo aqui com muita amizade e admiração. Por muitos anos!!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:26


Visitar Fátima

por aquimetem, em 03.01.17

DSCN0751.JPG

 Na 5ª-feira, dia 29 de Dezembro, tive de me deslocar a Lisboa, conduzido pelo Leonel do Zé Portela, um sobrinho sempre disponível para servir o próximo. Cumprida missão que lá nos levou, foi passar pelo Café Caravela, vizinho da Esquadra da PSP de Carnide, almoçar e regressar ao ponto de partida, mas com paragem no Altar do Mundo.

DSCN0744.JPG

  Ainda tinha estado lá na véspera, mas sem fazer a visita desejada à basílica do Santuário agora já prontinha para no próximo dia 12 de Maio receber o Papa Francisco. Está bonita de ver e acolhedora para em silencio se travar dialogo com Nossa Senhora e os três pastorinhos ali disponíveis para nos atender

DSCN0747.JPG

Há muito tempo que não parava nos parques traseiros da basílica, creio que a ultima vez foi por ocasião das primeiras peregrinações das crianças no dia 10 de Junho, em que o padre Guedes já também pároco do Bilho veio com 5 autocarros a Fátima, e fui eu de Lisboa encontrar-me com aquele mar de gente conterrânea minha. Depois disso vou muitas vezes ali, mas os parques vizinhos do Centro Pastoral Paulo VI ficam mais a jeito. É sempre uma novidade visitar Fátima

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 23:16


Um 5 de Outubro gozado como deve ser

por aquimetem, em 05.10.16

DSCN0032.JPG

 No dia 5 de Outubro, enquanto muitos dos nossos “democratas republicanos” se entretiveram a festejar a queda da Monarquia, com almoçadas e condecorações medalhísticas., fui eu em romagem até ao santuário de Fátima, visitar Nossa Senhora e o meu amigo Sr. Padre Abel que naquela área reside. 

DSCN0028.JPG

 É um dos melhores locais que Portugal tem para meditar e pedir conselho quando se precisa dele, nos momentos decisivos e que humanamente não temos forças para resolver sem misteriosa ajuda. 

DSCN0027 (2).JPG

 Sem ter programado, de um dia para o outro resolvi fazer esta deslocação e apresentada ao meu vizinho do lado foi aprovada, prontificando-se para fazer companhia e conduzir o carro. Ás 09h20 tinha o Sr. António e a D. Ilda à porta, e por volta das 10h50, juntos à igreja da Santíssima Trindade para tomar parte na Eucaristia que 10 minutos depois ia ter inicio. 

DSCN0022.JPG

 Ainda há muitos, e cada vez mais cristãos, que como reza o episódio Evangélico com “Marta e Maria” sabem aproveitar o tempo, e disso deu testemunho uma igreja com a capacidade que tem a da Santíssima Trindade se encontrar repleta de fieis vindos das mais diversas procedências, mas com destaque para a Diocese de Viseu, que com o seu diocesano pastor, o bispo D. Ilídio Pinto Leandro, desceu à Cova da Iria para agradecer a Nossa Senhora a visita que o ano passado fez à sua Diocese.

DSCN0034.JPG

Terminada a Santa Missa foi uma visita à capelinha das Aparições, cumprir a promessa, e procurar o almoço, para no fim ir dar um abraço ao Sr. Padre Abel e a D. Rosa e regressar a Lisboa, com um 5 de Outubro gozado como deve ser.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:57


Recantos de oração e reflexão

por aquimetem, em 29.05.16

Imagem (124).jpg

A cidade de Leiria embora na sua configuração actual tenha crescido à volta do seu castelo, tem nos muitos achados arqueológicos recolhidos nas margens do Lis a prova de uma ocupação humana que remonta a muitos séculos antes da Idade Média. Sede de concelho e capital do distrito a que dá o nome, Leiria é tido como o segundo concelho mais populosa das Beiras, com Coimbra em primeiro. É limitado pelo concelho de Pombal, Ourém, Batalha, Porto de Mós, Alcobaça e Marinha Grande. Situada na região Centro, sub-região do Pinhal Litoral, tem como sala de visitas além dos jardins a Praça Rodrigues Lobo, uma das figuras notáveis da cidade que D. Afonso Henriques e D. Dinis muito valorizaram. – Este curiosamente foi me enviado pela minha cara-metade, em 28/03/72.

Imagem (125).jpg

 Entre o Lis e o Castelo cresceu e se tem desenvolvido esta acolhedora e simpática cidade portuguesa que em termos históricos, artísticos e culturais já ganhou renome dentro e fora do país. Com a fundação do Castelo, a urbe desenvolvesse e em 1545 é elevada a Cidade e a Diocese, no reinado de D. João III e do papado de Paulo III. Para recolher dela uma panorâmica paisagística de sonho nada como subir ao castelo e das suas torres deliciar os olhos e a mente. Também para o mesmo efeito aconselhamos o morro de Nossa Senhora da Encarnação, na cidade e num lado oposto ao Castelo. – Esta vista parcial de Leiria não tem data, mas pelo desgaste do postal já não é nova.

Imagem (122).jpg

 Em 13 de Maio de 1984 a Congregação dos Bispos confirmado pela bula pontifícia “Que pietate” , com a mesma data, foi dado à Diocese o titulo de Leiria-Fátima. Ainda que administrativamente a vila de Fátima pertença ao concelho de Ourém ( distrito de Santarém) canonicamente é o bispo de Leiria-Fátima quem superintende no santuário da Cova da Iria, o Altar do Mundo, entregue aos cuidados de um reitor, nesta altura o bajouquense Revdo. Dr. Carlos Cabecinhas. – Este foi enviado do Santuário pelo meu saudoso cunhado “Pereirita”, mas para a irmã, em 13/XI/73

Imagem (123).jpg
Afastado da confusão das lojas de artigos religiosos e das promessas de joelhos no Santuário, o Calvário Húngaro é um espaço de culto que convida à reflexão, e tem cada vez mais fieis a escolher o local, vizinho da "Loca do Cabeço", para fazer oração. Sobranceiro à aldeia dos Valinhos, onde nasceram os três pastorinhos, e no termino da Via Sacra que tem inicio junto da Rotunda Sul, este bucólico pedaço do património de Fátima leva-nos a mais facilmente meditar no comportamento dos videntes Irmã Lúcia, Jacinta e Francisco Marto, e nas recomendações que receberam de Nossa Senhora do Rosário de Fátima. No aproximar do centenário das Aparições, Maio de 2017, e já em pleno mês de Maria é bom conhecer todos os recantos de oração e reflexão que Fátima tem para ofertar aos peregrinos. – E mais outro enviado pelo Padre Guedes, em 02/06/71.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:22


Nunca digo que não…é feio.

por aquimetem, em 11.04.16

IMG_6245.JPG

 Como prometi na véspera, no domingo dia 10, lá voltei a Fátima para estar presente no encerramento da Peregrinação Nacional dos Amigos do Verbo Divino de 2016. Sempre que possível costumo associar-me a esta grande família cristã, por norma integrado no núcleo da Bajouca, no qual pontifica entre outros o casal Fernanda Capitão e José Ferreira Soares, generosos bajouquenses sempre disponíveis para servir a comunidade. Pelo menos desde  2008 que procuro acompanhar as actividades caritativas desta comunidade religiosa e missionária de leigos e clérigos, cujo fundador foi Arnaldo Jansser, e teve como primeiro missionário São José Freinademetz. Ao facto me referi, no blog Retaguarda, em 22 de Outubro desse mesmo ano.

IMG_6251.JPG

  A chuva que carregou forte e não constava no programa, impediu-me de respeitar o guião, e às 10h00 poder estar na capelinha a recitar o Terço com todos os participantes no activo...Fiquei no autocarro com o ti Silvino Afonso, até que abrandasse. Um baptizado pode fazer oração onde quer que se encontre, foi o que se fez.

Mas às 11h00 lá estávamos nós os dois, no Santuário, fazendo frente ao mau tempo para assistir à Missa solene e dominical que Nossa Senhora de Fátima nos permitiu partilhar.

IMG_6260.JPG

 Depois, foi o almoço, marcado para as 13h00, que teve lugar num dos parques do Santuário, nas traseiras do Centro Pastoral Paulo VI. Aqui se nota além deste casalinho de “banana em punho”, também na mesma fileira se enxerga parte daqueles que me ofertaram o “tintol” que ajudou à digestão dos torresmos e pão cozido pela Fernanda Capitão

IMG_6264.JPG

 Nestas andanças a partilha faz parte do convívio, e do relacionamento fraternal. E quando necessário, até quem não tem que partilhar, partilha com os que tem, e foi convidado a festejar... No convite que me foi feito para este evento assim aconteceu, e aqui, a senhora... do "barrete", além do convite, prometeu um garrafinha..., mas deixou o saca-rolhas em casa. Partidas de senhora... Mas há sempre uma alma caridosa nestes convívios.

IMG_6286.JPG

Almoço concluído, vamos a tomar lugar no anfiteatro do Centro Pastoral Paulo VI, que ficou abarrotar e cerca das 15h00 abriu para receber uma enorme multidão de Amigos do Verbo Divino.

IMG_6285.JPG

 Uma tarde cultural, animada e missionária, como sempre  a cargo dos animadores vindos das várias comunidades nacionais, onde em Portugal o Verbo Divino está mais implantado: Guimarães, Tortosendo, Lisboa, Almodôvar, Nisa, Fátima e Bajouca. 

IMG_6283.JPG

 Mais um verdadeiro sucesso, neste ano da Misericórdia. Pena não poder cumprimentar o meu distinto conterrâneo, o mondinense sr. padre Matos, que soube estar adoentado. Mas rezou-se por ele. 

IMG_6295.JPG

 Cerca das 17h00 encerrou a Peregrinação de 2016, e cada um dos muitos participantes partiu mais enriquecido e determinado a ser missionário e misericordioso, como pede o Papa Francisco, e o meu São Josemaria Escrivá também aconselha aos membros do Opus Dei.

IMG_6297.JPG

Ah! Faltou-me dizer que a Helena, guardou a garrafinha para ser gasta em sua casa e convidou além de mim e da tia Saudade as duas Marias da Gaspara e o ti Silvino. Tinha que ser e o David preparou o resto…Obrigado e contem sempre comigo que eu nunca digo que não…é feio.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:51


Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D