Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Saudosa Memória

por aquimetem, em 02.06.17

 

7879463_ln0oJ.jpg

Daqueles amigos que se prendem à nossa amizade e nem a morte separa. Aconteceu comigo em relação ao Dr. Primo Casal Pelayo que me sabendo possuidor do vírus jornalístico passei a ter nele um atento observador e conselheiro em temas que careciam de sabia apreciação. Fui seu aluno no Externato Latino Coelho, em Lisboa, e casualmente comensais na mesma pensão onde eu almoçava. Daquelas pessoas que gostam mais de ouvir do que falar não foi fácil cativar o seu relacionamento que veio por me saber muito bem relacionado no Bairro de Belém, o que podia influir na divulgação do seu estabelecimento de ensino.

13956193_SWaji.jpg

 São juízos que faço à distância e que só me sirvo para honrar a memória desse inesquecível vila-condense, de Fajozes. Formado em Direito pela Universidade de Coimbra, chegou a enveredar pela carreira da Magistratura que exerceu como Delegado do Ministério Publico. Mas era o ensino que reclamava o seu potencial intelectual e cívico por forma a dar continuidade a uma tradição familiar, patente no que foi o Colégio de São José, da família Pelayos, em Vila do Conde. O autor de "A Ermida do Monte Farinha" nasceu a 05-06-1921 e faleceu em Lisboa, a 08-02-2011. Se fosse vivo fazia 96 anos no próximo dia 05 de Junho. Saudosa memória.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:25


2 comentários

De Anónimo a 02.06.2017 às 22:03

Dr.Primo Pelayo devia ser um personagem muito notável e invulgar como diz , pois é admirável a sua dedicação e admiração por ele.
Por haver pessoas como o Senhor, é que temos "História" , e sabemos de onde viemos...
Parabéns...

De costa pereira a 03.06.2017 às 17:36

Era sim senhor. Um homem que por respeito à verdade histórica não hesitava traçar armas e repor os pontos nos "ii". O concelho de Mondim de Basto e toda a região devem-lhe o ter posto a descoberto o que
ignorado jazia nos arquivos bibliotecários onde só especialistas conseguem tornar visíveis. E fê-lo graciosamente. Só pelo prazer de combater a bom combate. Eu fui apenas atento observador e aluno...

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D