Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


DSC01457.JPG

Digam o que disser mas quanto a gostar de serem lidos e apreciados pelos leitores, ninguém que escreve para publico rejeita essa circunstancial delicadeza. Ainda que não seja propósito do autor estar à espera de louvores ao escrever para informar e tornar publico o que de verdade se lhe afigura merecedor de divulgação é sempre agradável saber que temos quem esteja atento ao nosso labor jornalístico e pronto para louvar ou corrigir o que tornamos noticia. Este foi sempre o lema pelo qual me guiei desde que há mais de meio século iniciei a minha actividade de publicista. Actividade que mantenho, mas actualmente em vez da Imprensa escrita mais virado para a escrita virtual, por ser mais cómoda e também mais espontânea. Entretanto é bom que se diga que de todos os meios de Informação existentes, a Imprensa Escrita é para mim o mais importante. Mas vem tudo isto a-propósito duma mensagem recebida do Facebook em que me anunciava que “As publicações de José Augusto receberam 16 000 gostos”. Mensagem, esta, ilustrada com uma bajouquense, minha dilecta sobrinha, e a par uma casa das que embelezam a arquitectura urbana da minha aldeia de nascimento: Vilar de Ferreiros ( Mondim de Basto). Não sei qual o critério que as equipas do Facebook e Sapo usam para fazerem estas “gracinhas” sedutoras aos seus activos colaboradores, mas neste caso concreto suponho que deve ter a ver com quem depositou mais “gostos” nos meus arrazoados, e no caso da casa talvez por ser a foto que mereceu maior pontuação. Se foi ou não pouco importa, importa sim é que com “gostos” ou sem “gostos” haja quem nos leia.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:29


Quem cá ficar que o ganhe ...

por aquimetem, em 16.12.17

antoniocosta_0[1].jpg

Mete dó, ver este nosso Portugal entregue às mãos de gente sem escrúpulos e alguns dos responsáveis máximos aos abraços e beijinhos a corruptos e oportunistas sem vergonha. E como que não bastasse, virem ainda a publico manifestar a sua confiança nos suspeitos por tais actos cometidos. Tapar o sol com uma peneira, só neste país se vê, mas que além fronteiras provoca chacota, e no caso mais recente penalização já que de pronto a Raríssimas é suspensa pela Organização Europeia de Doenças Raras. É pena que gente honesta e honrada que gosta da vida política se veja envolvida nesta teia que certas aranhas tecem para se fazerem  notáveis e viver à custa dos bem intencionados que são a maioria dos portugueses. Mas também não deixa de ser estranho que muitos dos meus concidadãos teimem em entender a política como que uma espécie de religião a respeitar ou clube desportivo cuja cor nos agrada. Que os profissionais da política o façam é seu dever e obrigação, porém o vulgar eleitor tem que saber discernir, e não se deixar iludir pelas promessas eleitoralistas. Tivemos um governo que de 2011 a 2015 nos salvou da banca rota, e pagamos caro. Veio outro, que nem foi o vencedor, com muitas promessas, e tramou-nos ainda mais. A diferença foi que tapou a boca à Esquerda, bastou apenas dar-lhe a mão para todos murcharem a orelha. Que raio de esquerda esta ! O que seria se decorridos 6 meses, ainda as indemnizações às vitimas das tragédias dos fogos florestais de Junho e Outubro estivessem por fazer, com o governo do Dr. Passos Coelho e Dr. Paulo Portas? Ou se um ministro como José António Vieira da Silva que tutela o Ministério da Segurança Social e Economia se tivesse metido em sarilhos do género em que consta se ensarilhou, em relação à Raríssimas! Mas curioso, segundo sondagem recente da Euro-sondagem para a SIC e o Expresso, se se  fosse a eleições este mês, era o PS que ganhava com 40,2%. O povo gosta de quem lhe faça festinhas e o resto, quem cá ficar que o ganhe....

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:17


Parabéns à ti Luzia Mota Afonso

por aquimetem, em 11.12.17

 

DSC01445.JPG

 “No domingo é surpresa”, dizia eu, em post anterior. E não me enganei, nem enganei os meus leitores. Sabia que tinham convidado a minha mulher para no domingo, dia 10, almoçar em casa de uma prima que também este ano fez dois carros de anos, cada carro tem 40 medidas ou arrobas. Mas não tinha bem a certeza de que prima se tratava, pois que na Bajouca são tantos os parentes da família Afonso e todos tão generosos, que se não forem identificados se corre o risco de ir bater à porta de quem não convidou.

DSC01449.JPG

Só no fim da missa dominical e de tomar um cafezinho na “TASCA ASSOCIATIVA ” é que a minha mulher me disse que tínhamos almoço em casa da Luzia da Mota Pereira Afonso, aqui mesmo em frente da nossa moradia. Que bom é só atravessar a estrada e pronto. 

DSC01410.JPG

Mal entramos na sala e já a mesa estava enfeitada com aperitivos para abrir o apetite a convidar para uma tarde em cheio que o amor filial desperta nos momentos que um motivo faz despertar. Aqui foram 80 Primaveras que no dia 4 enfeitaram o rosto de uma mãe muito querida por marido, filhos, netos, noras, genros e amigos. E só para ver, vamos às entradas.

DSC01409.JPG

A tarde continuou, com o leitão saboroso na companhia, e uns copitos com “régua” para empurrar. 

DSC01424.JPG

Entretanto chegou o momento da ti Luzia, também ter a palavra e soprar nas velas. 80 é muita coisa, e eu quis ver, pois daqui a um ano, se Deus deixar, sopro eu.

DSC01439.JPG

Mas não se ficou por aqui esta comemoração aniversariante da ti Luzia, entretanto apareceu o cunhada Lucília, mais uma sobrinha, e a seguir a São mais o marido Manuel que vinham visitar o meu quintal.... Gente fixe e tarde, por bom motivo, a não esquecer.

DSC01438.JPG

De realçar o cavaquinho do anfitrião, ti Virgílio Sousa que animou os comensais e só não houve dança porque o leitão não deixou...

DSC01435.JPG

 Falta também falar do ti Ferreira e do Arménio que comigo ajudaram à festa, com a música do cavaquinho da casa.Parabéns à ti Luzia 

 Em vídeo fica mais bem demonstrado

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:57


No domingo é surpresa.

por aquimetem, em 08.12.17

DSC01170.JPG

 7 junto a mais um 9 já  cá cantam. Conta bonita para quem nasceu em tempos de guerras e de racionamentos. Mas agora no tombar deste Novembro para Dezembro, marcado pelos primeiros 8 dias com a "Novena da Imaculada" dá gosto viajar, e por meu lado vir até à Bajouca, onde por tradição a comunidade local se reúne no  Salão Paroquial em almoço-convívio após a celebração da Eucaristia desse dia  santo da Imaculada Conceição.

DSC01180.JPG

Mas também hoje a minha sobrinha Sãozita juntou um 4 com um  6, e logo fui  convidado para ir a sua casa e juntos apagar as velas de aniversário e em festa partilhar o bolo.  Ontem foi em Lisboa, hoje no Largo dos 13,  e amanhã no Salão. No domingo é surpresa.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

DSC01146.JPG

Tinha o PCP noutra conta, mas borrou-se e perdeu aquela réstia de tolerância que tinha por um partido tolerável ainda que deplorável pela sua doutrina materialista. E hoje vejo confirmadas as reservas que sempre tive em relação a este partido que serve de amparo à  "Gerigonça"que governa Portugal. Na atitude deplorável a que tomou ao votar contra um voto de pesar pela morte de Belmiro de Azevedo, o maior empregador do após 25 de Abril, e figura nacionalmente conhecida e respeitada pelo seu dinamismo e capacidade empreendedora bem evidente nas diversas àreas económicas em que se tornou líder, como a S0NAE e outras instituições comerciais e dustriais. Borrou a escrita, este decadente PCP que Cunhal fundou e os seus pupilos que o seguiram estão a liquidar lentamente  à  sombra do seu herdeiro que tem António Costa por mordome. Mais espertos o BE e PEV que ditos de esquerda, sempre foram mais inteligentes e sem votar contra se abstiveram na votação de pesar. Vergonhosa atitude, a destes partidos que ainda têm gente que lhe dê votos em actos eleitorais. Será que este nosso povo laborioso e aguerrido ainda não  percebeu que está  alimentar  uns tantos "videirinhos" apenas interessados em viver sem fazer nada,? à custa do Zé-pagode? Mas porque seria que os partidos de esquerda não gostavam deste importante empregador português, seria por ter dito que "Os salários só podem aumentar quando um trabalhador português fizer igual a um alemão ou inglês" ? Mas se foi, disse-o com muita razão, embora todos nós saibamos que lá fora os nossos imigrantes são tidos em grande conta pelos seus empregadores, porque não cá? Perguntem não a mim, mas a eles. Como ele adiantou à Visão, em Janeiro de 2010, e cumpriu: " É muito importante que a pessoa se mantenha activa até cair e morrer, nesse dia". Este foi o homem que no Expresso, de 1999, comentou: " Há uma questão de natureza que me impede de ir para a política. È que eu gosto de decidir depressa e poderia ter problemas de excesso de velocidade". Natural do Marco de Canaveses, onde nasceu, em Tuí­as, a 17 de Fevereiro de 1938, este saudoso empreendedor português ligado ao Centro Comercial Colombo e faleceu no Porto, a 29 de Novembro de 2017. É do meu ano, tenho que pôr as minhas barbas de molho....

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:14


De Santa Catarina ao Natal

por aquimetem, em 03.12.17

Света-Екатерина[1].jpg

"De Santa Catarina ao Natal ou vai chover ou vai nevar ", ouvia dizer na minha aldeia por alturas da feira que neste mês de Novembro decorria e decorre em Celorico de Basto à volta do dia 25. Este ano em que a chuva deu lugar a um calor intenso que esteve na origem de tragédias com fogos florestais nunca vistas no país, só quase ao fim deste mês também conhecido por mês das almas é que as nuvens largaram umas poucas gotas sem influência para os caudais dos rios e abastecimento das barragens. Aquilo que na verdade se pode chamar um ano seco.

Murillo_immaculate_conception[2].jpg

Outro dito que se dizia e minha mãe me ensinou tinha a ver com saber os dias de cada mês, e nunca mais o esqueci: " 30 dias tem Novembro, Abril, Junho e Setembro; de 28 só há 1; os outros, são de 31; e quem bem contar, de 4 em 4 anos, mais 1 dia há - de encontrar". Novembro fora entra o Dezembro, com um feriado no dia 1, dia da Restauração, e logo com a "novena" da Imaculada Conceição que termina no dia 08, dia santo de guarda. Um mês também muito rico em motivações que mexem com o sentimento dos cristãos e em especial dos portugueses que além de cristãos amam a sua pátria consagrada a Santa Maria.

Tempo do Advento[1].jpg

Com o 1º Domingo de Advento a decorrer desde 3 de Dezembro, para terminar no 4º domingo, dia 24, e a culminar com o dia de Natal, a 25. Um mês muito rico de motivos festivos e santos que nem sempre sabemos viver na sua profundeza, pois o que muitos gastam desnecessariamente nesta quadra, dava em muitos casos  para atenuar o que falta a muitos outros. Bastava haver um pouco mais de boa vontade para que a praga da pobreza fosse atenuada e se não erradicada, pelo menos, rasgasse veredas que impedem quem deseja ver essa meta atingida.  

Autoria e outros dados (tags, etc)


Assim Deus o premita.

por aquimetem, em 01.12.17

SDC14333a (1).jpg

Uma sua amiguinha cubana

Já cá tenho o meu "Alvarito" que na tarde do dia 30, ontem, me chegou com os pais e o avô paterno que os foi buscar ao aeroporto da Portela. Foi quase uma surpresa que me fizeram, e que muito prazer me deram ao ver esta gente sempre em movimento arranjar maneira de também se dar ao luxo de pisar, com mais proximidade e tempo, o nosso território luso. Todo desinibido e traquina, deliciei-me a ouvir os cantares em espanhol que aprendeu nesta sua estadia em Cuba, fruto de uma memória prodigiosa que premeia os seus 4 anitos de idade, feitos em Agosto. Grande "Alvarito", com quem vou ter o prazer de festejar as festas natalícias deste ano, assim Deus o permita.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:43


Pesava mais que o ciclista

por aquimetem, em 30.11.17

NVYT2BVK.jpg

Não foi ver o "Dragão" que na passada 3ª-­feira, dia 21, foi à Turquia empatar (1-1) com o Besiktas, onde joga o nosso Quaresma, mas antes a Tunes para se entreter com alunos no Liceu Sadiki a falar de futebol, com Cristiano Ronaldo por tema. Foi uma aula de futebol e de fado dada em Tunes, por quem tem jeito para dar música aos de fora e aos de cá, onde ensinou que :"Portugal tem uma grande influência do árabe na sua língua: Todas as palavras começadas por "al", ou palavras como azeite e azeitona. Temos ainda grande influência islâmica na nossa arquitectura". - Quem é que sabia isto?!!! Ficou a saber. Era a 4ª Cimeira Luso-Tunisina, que no dia 20 de Novembro deu ocasião a que 12 dos 38 alunos que frequentam as turmas de português no Liceu Saddiki, instituição fundada em 1875, fosse recebidos por António Costa. Se se entenderam ou não só eles sabem. Nós por cá todos temos muita dificuldade para o entender, mesmo quando está calado

800[1].jpg

Mas esse dia 20 ficou também assinalado por uma data importante que há sete dezenas de anos ocorreu. Foi o casamento da Rainha Isabel II, então ainda princesa Isabel, com o duque de Edimburgo. Acontecimento que fez parar o mundo. Ás 10h30, de braço dado com o pai, o rei George VI, Elizabeth, entra na Abadia de Westminster, em Londres. Uns 5 anos depois voltaria a entrar ali agora para suceder, antes do tempo, ao homem que lhe dava o braço naquela manhã de Novembro de 1947. Estava-se a 2 de Junho de 1953, era ela coroada rainha de Inglaterra. Cerca de cinco anos depois da coroação, a rainha Isabel II e seu marido. o duque Filipe de Edimburgo, vem a Portugal em visita oficial, visita que decorreu de 18 a 23 de Fevereiro de 1957, em dia soalheiro. Fui assistir à  partida da soberana de regresso ao seu paí­s na tarde de 23 de Fevereiro ao aeroporto de Pedras Rubras. Bons tempos, fiz essa viagem ao pedal, numa "pasteleira" que pesava mais do que o ciclista.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:51


Assim estou convencido

por aquimetem, em 28.11.17

DSC01131.JPG

Artur Monteiro do Couto  ( 1/6/1934 - 26/11/2017).

Na casa que tem São Jorge de Arroios por patrono foi durante alguns anos laborioso zelador de almas aquele de quem me fui hoje despedir, o Dr. Artur Monteiro do Couto, que faleceu ontem, dia 26, na sua residência, e foi hoje, dia 27, a sepultar no jazigo dos familiares de sua  esposa, em Queluz. Natural de Sapiãos-Boticas, Dr. Artur era daqueles transmontanos barrosões que amava de verdade a terra onde nasceu, e os conterrâneos por quem tinha uma ternura sem igual. Figura muito aberta ao diálogo e culta, dava gosto ouvi-lo e conviver com ele, naqueles momentos em que os encontros se proporcionavam. Tive esse privilégio, e tenho presente um e-mail em que me dizia: "- Há dias conheci o dono de um restaurante que é de Mondim de Basto, em Queluz. Vamos combinar um dia e vamos lá almoçar. Sugira lá um dia para acertarmos. Vai gostar.

            Um abraço para toda a Família.

                        Artur Couto"

DSC01133.JPG

Era um amigo de verdade, um amigo à antiga portuguesa, e sempre disponível para servir, sem se servir. Homem de muita fé, fé que nunca perdeu e soube com dignidade espalhar com a sua humana simpatia e franqueza de transmontano duma só cara. Homem de sim, sim, não, não. No seu blog "beleza serrana" que alimentou desde o inicio até 15 de Junho de 2015, fui muitas vezes beber e deliciar-me com os seus ensinamentos. Éramos amigos e por isso lá me fui hoje despedir dos restos mortais do Dr. Artur do Couto, e participar na missa de corpo presente, na igreja onde ele quando veio de Boticas para Lisboa tinha sido sacerdote.

DSC01135.JPG

 Mas como eu também o Dr. Artur Monteiro do Couto gostava de me ler os arrazoados, como conta:

" Meu grande Amigo Costa Pereira

Agradeço todas as suas gentilezas e as belas mensagens que me tem enviado. As Fisgas de Ermelo são uma paixão permanente de quem as visita pessoalmente ou as vê pela televisão e guarda no computador, como eu as tenho guardado. O meu software e a maquina precisam de actualização para abrir algumas imagens. Não estranhe se houver alguma incorrecção da minha parte. Envio um abraço para toda a Família e desejo-vos umas boas férias. Lá para os meados de Agosto, pensamos ir até Sapiãos (Boticas).

O sinal é fraco nalguns locais... mas noutros é bom.

                        Ficamos ao Vosso dispor.

                     Artur Monteiro do Couto"

DSC01138.JPG

Ficou mais pobre a colónia transmontana de Lisboa, mas sobretudo a região de Barroso que perdeu este avançado defensor das terras e gentes do nosso "reino maravilhoso e em particular Sapiãos que ele em DVD exalta sob o titulo  "O CÉU DA MINHA ALDEIA". Em post meu de 27/07/07 fiz alusão a este trabalho no blog aquimetem. Perdi um amigo na terra, mas por certo que no céu a nossa amizade ainda ganha mais força, assim estou convencido. O funeral que constituiu uma verdadeira manifestação de pesar teve em muitos amigos e familiares a prova da muita admiração e estima que em vida o saudoso extinto granjeou. A Casa de Trás-os-Montes e Alto Douro que o finado serviu de mil formas fez-se representar de maneira visível com seu estandarte, e vários membros da associação, entre as pessoas   que vi lembro o Dr. Armando Jorge e Silva, Dr. João Tomás e Ni Saldanha. A toda a família em luto, mormente sua esposa apresento as mais sinceras condolências. Que descanse em paz. 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:16


0 futebol dá pão a muita boca. Mas

por aquimetem, em 22.11.17

7ASG37JK.jpg

Hoje virei-me para o desporto, já chega por agora de tanto se perder tempo a dar importância aos nossos governantes que não a merecem. Vamos ao desporto que faz bem à saúde e nos mantem em forma para encurtar nos furos do cinto. E vamos começar pela noticia que deu como vendida por 3.600 euros a bicicleta do corredor espanhol Raul Alarcón  que pelo FC do Porto venceu a 79ª Volta a Portugal. Foi em leilão e o produto entregue à  Associação Salvador para ser aplicado no apoio ao desporto adaptado. " O Desporto Adaptado surgiu no início do século XX, com as primeiras actividades a serem dirigidas para os portadores de deficiências auditivas e visuais. No entanto, só no final da Segunda Guerra Mundial, quando os soldados regressaram aos seus países com viários tipos de mutilações, se deu oficialmente início a este desporto". "Associação Salvador foi fundada em 203 e tem como principal objectivo promover a integração das pessoas com deficiência motora na sociedade e melhorar a sua qualidade de vida". Coisas bonitas, estas, que no desporto nos são mostradas, que no entanto não deixam de contrastar com outras menos agradareis como a "aguerrilha" travada entre dois sportinguistas que se desentenderam, mas que não passa do fervor clubista, onde basta uma vitoria do clube para tudo ficar serenado. Bem pior é o "bailarico" dos emails entre dragão e a águia...Já deixei há muito de ser aquele louco da bola que fui, mas ainda gosto do bom futebol e tenho gosto por certa cor...

3EIQMGFO.jpg

Mas com franqueza, hoje, por vezes, pergunto-me: aonde é que vão buscar tanto dinheiro para pagar ao nosso querido Ronaldo, e a outros semelhantes, e os milhões que gastam para construir estádios que rondaram os 500 mil milhões de euros, caso do Chelsea? Não condeno, mas melhor destribuido dava para atenuar a fome a muita gente sem pão, nem agasalho neste mundo materializado, que até o Papa Francisco já alertou para essa realidade. É verdade que também o futebol dá pão a muita boca. Mas

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:26


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D